Com o novo acordo ortográfico perde-se, em muitos casos, a noção do étimo do vocábulo, mas ele é de primordial importância se queremos saber o seu verdadeiro significado, num tempo em que o verdadeiro valor das palavras anda tão deturpado, sendo-lhes atribuídas conotações bem diferentes do seu significado original.

 

Vem, então, a propósito sabermos o sentido etimológico da palavra "ministro": vem do latim minister que significa servidor, subordinado. Com esta palavra se designava o escravo doméstico e também, noutro contexto, aquele que estava encarregado do culto aos deuses.

O ministério, do latim ministerium, era a função de servidor, uma função servil, daquele que está ao serviço dos outros. Em contexto religioso era o serviço ao altar do deus, o sacerdócio.

Se pensarmos no feminino, a ministra era a escrava, a criada ou a sacerdotisa.

publicado por isa às 16:10