Uma resposta inocente:

 

Uma criança de 10 anos, quando, há dias, recebeu, num envelope, a prenda de anos da avó, não teve qualquer reacção de alegria!... Vendo isso, a mãe diria: "Não te mostraste muito efusivo com a prenda da avó!...", ao que o menino respondeu: "Eu fico sempre efusivo com as prendas da avó, mas não sei o que é efusivo..."

 

 

Esta história fez-me pensar na etimologia do vocábulo EFUSIVO, adjectivo que significa "expansivo", quer dizer, algo em que há efusão, derramamento de alegria...

 

Relaciona-se com o substantivo latino, efusio, efusionis, "derramamento", "entusiasmo", que nos leva ao português efusão como "manifestação de amizade", "entusiasmo";

Da mesma raiz do verbo latino effundere, que significa "derramar", "espalhar";

Qualquer destes vocábulos é composto por um prefixo e o verbo simples fundere ; fusum é o supino deste verbo

 

Deste radical, com outros prefixos, outras palavras derivam, substantivos, verbos, adjectivos

 

Então, da mesma raiz, temos os vocábulos portugueses:

fundir

confundir  /  confuso

difundir  / difuso   /  difusão

fusível

profusão

infusão  ...

 

 

publicado por isa às 18:08